Muzambinho, 22 de maio de 2024

Igreja de São Benedito é tombada pelo Patrimônio Histórico e Cultural de Poços de Caldas

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
IMPRIMIR
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

O Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico, Cultural e Turístico de Poços de Caldas (CONDEPHACT-PC) acaba de divulgar o tombamento da Igreja de São Benedito, como bem cultural e histórico do município. “Em outubro de 2020 já havíamos registrado a Festa de São Benedito como bem imaterial, agora, o tombamento da Igreja assegura ainda mais a preservação da nossa história, já que é na Igreja que ocorrem as manifestações culturais da Festa”, explicou Lícia Perote de Almeida, arquiteta da divisão de Patrimônio Construído e Tombado, da secretaria municipal de Planejamento. O tombamento garante que a festa continue sendo realizada na Igreja que foi concluída em 1926 e tem importante valor simbólico para os Ternos de Congo e Caiapós, valor afetivo para a comunidade local de devotos, para a comunidade católica em geral, especialmente para a Irmandade de São Benedito fundada em 1914. Além disso, o terreno onde se ergueu o imóvel foi doado pelo Coronel Agostinho Junqueira por sua inabalável fé a São Benedito e a igreja foi construída com a ajuda de voluntários católicos tornando o valor da edificação inestimável para o Município.Todas as organizações vinculadas à Igreja, à Festa,centros culturais e o poder público, receberão a notificação sobre o tombamento. Qualquer intervenção no Bem Tombado, deve passar pela análise e aprovação do Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico, Cultural e Turístico de Poços de Caldas.

 

(ASCOM)

Notícias Recentes