Muzambinho, 17 de junho de 2024

“Produtor de Águas” entrega premiação aos cafeicultores

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
IMPRIMIR
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

O Conselho Nacional do Café (CNC) realizou a premiação dos cafeicultores que participam do Programa ‘Café Produtor de Água’. O evento realizado na sede da Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé (Cooxupé), contou com a presença de representantes do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater-MG), do Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA) e da presidente da Organização Internacional do Café (OIC).
O programa tem um fundo próprio que realiza o Pagamento por Serviço Ambiental (PSA), gerido pelo CNC. “São as parcerias que dão suporte na implantação do projeto e gratificação dos produtores que aderirem ao programa, considerando a participação dos governos estaduais, municipais, estatais, empresas privadas e, claro, nossas cooperativas”, comenta Silas Brasileiro, presidente do CNC. E continuou “esse é um programa que torna o café brasileiro competitivo e também se adequa as regras internacionais”.
O que foi reforçado pela presidente da OIC, Vanusia Nogueira “ é importante estarmos juntos de um dos principais players do setor do café. Aqui com os cafeicultores que fazem parte da Cooxupé, falamos de temáticas que afetam o comércio internacional, como legislação europeia, sustentabilidade, ESG, descarbonização e impactos positivos da atividade”, destacou.
Carlos Augusto Rodrigues de Melo, presidente da Cooxupé disse que “tivemos um dia muito produtivo, na parte da manhã participamos da reunião com a CNC e na parte da tarde fizemos a premiação dos produtores que fazem parte do projeto. Um projeto que vem de encontro as nossa metas e as exigências do mercado, parabenizo aqui ao Silas Brasileiro que está frente de um projeto que atende ao mundo do mercado moderno. Que essa ação avance ainda mais para que a Cooxupé continue sendo sempre a vanguarda do que precisa o seu cooperado. Assim, as cooperativas e associações devem colaborar no processo de disseminação do projeto”, enfatizou o presidente.
“Precisamos alavancar, divulgar e conscientizar nossos cooperados quanto a importância do programa. Devemos levar isso para o mundo. Essa é a primeira premiação para os produtores que adotarem o projeto”, disse o vice presidente Osvaldo Bachião.
Ao final da cerimônia, os cafeicultores receberam a premiação em dinheiro. Nesta primeira etapa do projeto, os interessados devem procurar o escritório mais perto da Cooxupé para participarem.
(COLABOROU: VALÉRIA VILELA)

Notícias Recentes