Muzambinho, 12 de julho de 2024

Seminário prepara integrantes do MPMG para as Eleições 2024

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
IMPRIMIR
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

Evento teve início nessa quinta, 6, e prossegue nesta sexta, com programação que inclui palestras com diversos especialistas em legislação eleitoral

Teve início nesta quinta-feira, 6 de junho, o Seminário Eleitoral 2024. A ação educacional, promovida pelo Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (Ceaf) e pela Coordenadoria Estadual de Apoio aos Promotores Eleitorais (Cael), busca preparar os integrantes do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) para as eleições deste ano. O evento é realizado na sede da Procuradoria-Geral de Justiça, em Belo Horizonte e tem transmissão pela TVMP.

Seminario_eleitoral_NOTICIA02.png

A abertura do seminário contou com a participação do procurador-geral de Justiça, Jarbas Soares Júnior; do procurador regional Eleitoral, José Jairo Júnior; da juíza do TRE Patrícia Henriques Ribeiro; do corregedor-geral em exercício do MPMG, Mauro Flávio Brandão; da ouvidora do MPMG, Nádia Estela Ferreira Mateus; da diretora do Ceaf, Élida de Freitas Rezende; e do coordenador do Cael, Emmanuel Levenhagen Pelegrini.

“O evento se destaca como uma notável oportunidade de aprendizado, troca de experiências e reflexão sobre o papel fundamental que desempenhamos na defesa da integridade do processo eleitoral”, destacou o coordenador do Cael. Levenhagen lembrou ainda a importância das eleições municipais, já que é na realidade local que as políticas públicas impactam a vida nas pessoas. “Nós, como membros do Ministério Público, temos a responsabilidade de garantir que esse processo seja conduzido com transparência e legalidade”.

Jarbas Soares acrescentou que o seminário é o local adequado para os participantes afirmarem suas intenções e ações e discutirem assuntos que vão chegar aos promotores eleitorais em todo o estado. O procurador-geral de Justiça enfatizou a necessidade de uma atuação com responsabilidade, tendo em vista o cuidado para que não haja interferência nas disputas eleitorais. “Quanto mais formos certeiros em nossas ações, melhor”, afirmou.

Seminario_eleitoral_NOTICIA01.png

Em seguida, com o tema “Justiça eleitoral na Constituição de 1988”, foi realizada a palestra magna do evento pelo procurador regional Eleitoral José Jairo Gomes. Ele destacou a importância de os promotores eleitorais interpretarem a Constituição em busca de soluções justas, dentro de parâmetros de razoabilidade. “A Justiça Eleitoral é garantidora dos valores e princípios que fundam o Estado Democrático brasileiro”.

O seminário prossegue nesta sexta-feira, 7 de junho.

Veja mais fotos

Seminário Eleitoral - 07.06.2024

Programação

7 de junho

8h30 – Credenciamento

9h-10h – Palestra: “Condutas vedadas aos agentes públicos”

Edson de Resende Castro – Jurista e Promotor de Justiça aposentado

10h-10h10 – Perguntas

10h10-11h10 – Palestra: “Pré-campanha e campanha”

Rodrigo López Zílio – Promotor de Justiça do Ministério Público do Rio Grande do Sul

11h10-11h20 – Perguntas

11h20-12h20 – Palestra: “Crimes eleitorais e Processo Penal Eleitoral”

José Jairo Gomes – Procurador Regional Eleitoral do Estado de Minas Gerais

12h20-12h30 – Perguntas

12h30-14h – Intervalo para almoço

14h-15h30 – Palestra: “Registro de candidatura e inelegibilidades”

Edson de Resende Castro – Jurista e Promotor de Justiça aposentado

15h30-15h40 – Perguntas

15h40-17h10 – Palestra: “Ações cíveis eleitorais”

Luiz Carlos dos Santos Gonçalves – Procurador Regional da República no Estado de São Paulo

17h10-17h20 – Perguntas

17h20-17h50 – Intervalo para lanche

17h50-18h20 – Palestra: “Arrecadação, gastos e movimentação de recursos de campanha”

Júlio César Diniz Rocha – Tribunal Regional Eleitoral do Estado de Minas Gerais

18h20-18h50 – Palestra: “Prestação de contas de campanha”

Domingos Rodrigues Zati – Tribunal Regional Eleitoral do Estado de Minas Gerais

18h50-19h – Perguntas

19h – Encerramento

Fonte: Ministério Publico MG

Notícias Recentes