Muzambinho, 9 de maio de 2024

Rodrigo Pacheco afirma que mudança no sistema eleitoral cabe ao Congresso

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
IMPRIMIR
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

O presidente do Congresso Nacional, Rodrigo Pacheco (Democratas-MG), reafirmou, na quinta-feira (22), a confiança no sistema político-eleitoral brasileiro e ressaltou que alguma mudança no modelo adotado para as eleições no país é exclusiva do Parlamento, com respeito à decisão da maioria dos membros do Legislativo, que são os representantes do povo brasileiro.

“Decisões sobre o sistema político-eleitoral, formas de financiamento de campanhas, voto eletrônico ou impresso, entre outros temas, cabem ao Congresso Nacional, a partir do debate próprio do processo legislativo e com respeito às divergências e à vontade da maioria”, frisou Rodrigo Pacheco.

O senador mineiro destacou ainda que a realização das eleições no país é algo inegociável e vai acontecer, não somente em 2022, como também em outros anos. “Seja qual for o modelo, a realização de eleições periódicas, inclusive em 2022, não está em discussão. Isso é inegociável. Elas irão acontecer, pois são a expressão mais pura da soberania do povo. Sem elas não há democracia e o país não admite retrocessos”, afirmou.

 

(ASCOM)

Notícias Recentes