Muzambinho, 9 de maio de 2024

Rodrigo Pacheco discute alternativas para criação de um programa social nacional abrangente

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on print
IMPRIMIR
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

No intuito de tratar da criação de um programa social que amplie os valores e a abrangência do Bolsa Família, o presidente do Congresso Nacional, senador Rodrigo Pacheco (Democratas-MG), recebeu, na segunda-feira (2), na residência oficial do Senado, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), os ministros Paulo Guedes (Economia), Ciro Nogueira (Casa Civil), além de João Roma (Cidadania), e Flávia Arruda (Secretaria de Governo).
De acordo com Rodrigo Pacheco, que tem defendido a necessidade da criação de um programa social mais abrangente para a população menos assistida, é necessário haver um instrumento público que alcance os brasileiros nessa situação em razão do agravamento da crise econômica e social causada pela pandemia da Covid-19. O senador mineiro ainda ressaltou que, observados preceitos de responsabilidade fiscal, é possível conceder um benefício social dessa natureza e garantir o mínimo de dignidade para que as pessoas tenham comida em suas mesas.
“Discutimos alternativas para se compatibilizar a obrigação de pagamento de precatórios pela União e um programa social que atenda a população vulnerável, como venho defendendo, e a responsabilidade fiscal necessária. Envidaremos os esforços para essa solução, com especial destaque ao fato de que a população carente precisa ser assistida com uma renda mínima que minimize a fome e a miséria no Brasil”, destacou Pacheco.

(Ascom)

Notícias Recentes